Notícias

Uma estrela de nove pontas

Para encontrar o homenageado desta semana é preciso se voltar para o mar, e não para as estrelas.

Redação Gem Saviour·
4 de outubro de 2013·10 anos atrás

Estrela-do-mar de oito pontas ([i]Luidia senegalensis[/i]). Foto: Andrea Westmoreland/Flickr
Estrela-do-mar de oito pontas ([i]Luidia senegalensis[/i]). Foto: Andrea Westmoreland/Flickr

O mar tem constelações. Os equinodermos pertencentes à classe Asteroidea, as estrelas do mar, se dividem em cerca de 1.500 espécies, espalhadas em todos os oceanos do mundo, dos trópicos até as águas polares. Eles são encontrados desde as águas mais rasas da zona entremarés até as inexpugnáveis profundidades abissais, 6.000 m abaixo da superfície.

Tipicamente, estrelas têm cinco braços. Na maioria dos casos, isto também se aplica às estrelas-do-mar. No entanto, há algumas espécies que fogem à regra. Uma delas é a Luidia senegalensis que ocorre na Jamaica, nas Antilhas menores, em Belize, na Nicarágua e ao longo da costa Sul-americana até o sul do Brasil. Esta estrela possui nove braços longos e achatados, em raras vezes, oito.

ALuidia senegalensis é uma estrela-do-mar com a superfície superior de cor cinza azulada ou esverdeada, com as bordas dos braços esbranquiçadas. A superfície inferior é creme ou branca. Esta é a face oral: nesta parte fica a sua “boca”, ao centro do disco. O animal se desenvolve a um diâmetro de cerca de 30 a 40 centímetros.

A espécie é geralmente encontrada em locais de baixo movimento de águas, com fundos lodosos, arenosos ou areno-lodosos, entremeados por conchas. É uma predadora voraz de uma grande variedade de presas, que incluem moluscos, pequenos crustáceos e vermes aquáticos (poliquetas). Para se alimentar lança o estômago pela boca, engolindo o alimento por inteiro. Isto também faz com que engula “bocados ” de sedimentos do substrato marinho, que serão filtrados também pela via oral. Uma vez que que o animal não possui ânus, fragmentos de alimentos não digeridos são expelidos através da boca.

A reprodução sexuada ocorre com a liberação seus gametas no mar, onde ocorre a fecundação. Os ovos eclodem em larvas, que são arrastados livremente pelas correntes junto ao plâncton. Em cerca de 25 dias, eles crescerão consideravelmente e se acomodarão sobre o leito do mar, em seguida se metamorfoseando em estrelas do mar juvenis.

Embora a estrela-do-mar L. senegalensis possa ser predada por outras estrelas-do-mar e por aves marinhas na maré baixa, o maior risco para espécie não advém destas ameaças, mas dos efeitos das atividades humanas. Como toda espécie que vive associada ao sedimento marinho, é altamente suscetível ao efeito dos poluentes, tanto os presentes na coluna de água como aqueles que se acumulam no substrato.

Soma-se a isto a coleta acidental como fauna acompanhante em arrastos de pesca que coloca em risco populações inteiras. As populações desta espécie tem apresentado uma redução, sendo estimadas em menos de 1.000 indivíduos adultos. De acordo com o ICMBio a espécie Luidia senegalensis é considerada Vulnerável correndo o risco de se tornar criticamente em Perigo ou extinta em curto período de tempo.

 

Leia Também
Tudo azul: Borboleta Morpho
O polêmico sabiá-laranjeira
O narigudo Quati-de-cauda-anelada

 

 

 

Leia também

Salada Verde
23 de fevereiro de 2024

Justiça Federal impõe mais de R$ 316 milhões em indenizações por desmatamento ilegal

Infrações ambientais foram identificadas pelo MPF por meio do Amazônia Protege, projeto que utiliza monitoramento por satélite para responsabilizar os atores dos desmatamentos ilegais

Notícias
23 de fevereiro de 2024

MPF no Acre arquiva denúncia da CPI das ONGs contra servidores do ICMBio

Servidores do órgão foram acusados de abusos contra moradores da Reserva Extrativista Chico Mendes, no Acre; para procurador, acusações são “genéricas e sem fato concreto”

Notícias
23 de fevereiro de 2024

Antas “avisam” pesquisadores sobre contaminação humana por agrotóxicos no MS

Além de agrotóxicos como glifosato, moradores do sudeste do estado também apresentaram altos índices de metais no corpo. Antas atuaram como sentinelas

Mais de Gem Saviour

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Comentários19

  1. Marcodiz:

    Pinheira SC.2021. Marco Knöpker.


  2. Marcodiz:

    Achamos uma nas redes de pecadores na Oinheira SC.2021. Marco Knöpker.


  3. Diegodiz:

    Achei uma em Taperapuã , Porto Seguro


  4. Laradiz:

    encontrei uma hoje na areia da praia do futuro – ce, estava maré seca. recolhi e devolvi pro mar, espero ter feito certo 🙂


  5. Dirceudiz:

    Encontramos uma hoje em Ubatuba praia da Alagoinha sp


  6. Mayaradiz:

    Encontrei uma hoje 29/11 em ponta das canas SC, igualzinha da foto


  7. GISELI GOUVEAdiz:

    Encontrei uma envolvida em lodos , ja morta (infelizmente) , recolhi e estou preparando para enquadrar. Encontrei na praia de Caraguatatuba – SP.


  8. Pauladiz:

    Linda! Achei suas dentro do mar EM Rio das Ostras – RJ ma praia Boca da Barra.. peguei somente para mostrar aos meus filhos que ficaram encantados. Inclusive uma estava regenerando uma de suas pontas.


  9. Daliladiz:

    Linda demais! Encontrei uma na areia (a maré estava baixa) da praia de Tamandaré-PE. não sei se fiz certo, mas recolhi da areia e coloquei dentro da água pois fiquei com medo de alguém pisar como quase aconteceu comigo. Essa espécie vive fora da água durante a baixa da maré? A que encontrei estava viva 🙏


    1. Adriano Cabraldiz:

      Tambem fiz o mesmo com a que encontrrei rm Itamaracá. Nao sei se fiz correto


  10. Mercia Christinadiz:

    Encontrei hj 14/10/20 na praia do Bessa – João Pessoa, mta linda.


  11. Lucienediz:

    No dia 4 de outubro encontrei uma na praia de em Itamaracá na praia de forte Orange nunca tinha visto uma


    1. Adriano Cabraldiz:

      Eeeehhh encontrei uma ontem dia 24 de outuvro tambem na prsia do Forte Orange. Fiquei muito muito feliz, ela indo lentanente para a agua, nunca tinha visto. Que emoção , viva nossa Mae Natureza!!!


  12. Felipe, Naomi e Iaradiz:

    Encontramos uma hoje aqui em Boraceia SP … devolvemos no mar com todo cuidado 🙂 parece que ela ficou por lá


  13. Thamydiz:

    Encontramos uma hoje em São Francisco do Sul, SC.
    Devolvemos para o mar… Ela ainda estava com vida! Fiquei muito feliz


  14. Soldiz:

    Gente tô passada.!!!
    Moro em Natal RN, e na praia de Buzios/município de nizia floresta. Ontem 31/05/20 . Pela manhã passeando pela praia com meu marido encontramos 02 em menos de 10 minutos. Fiquei surpresa e extremamente feliz …quase não acreditei!. Recolhi com muito cuidado e não sabia oque fazer…levei pra casa. Tenho fotos…


    1. Carlosdiz:

      Levar pra casa?? Tá loka? Volta lá e devolve ela então… pra casa DELA


  15. Polianadiz:

    Achamos uma em itapema, Santa Catarina. Maio/2020


  16. Linda esta estrela de nove pontos! Achamos uma igual antes ontem aqui na praia de Itapororoca em Trancoso. Uma pena que e considerada vulnerável e ainda mais correndo o risco de se tornar extinta. Vamos preservar!
    Marcia